compras industriais

Compras industriais: como alinhar o setor aos objetivos da empresa

Além de contar com bons fornecedores, é necessário que o setor de compra siga algumas boas práticas na hora de realizar as compras industriais. Por serem pedidos mais complexos e que apresentam um grande volume de itens, é importante existir uma previsão de demanda no planejamento estratégico.

De modo geral, esse tipo de cuidado permite que a empresa tenha um bom controle de estoque e conduza com qualidade outras operações do negócio. Portanto, o desempenho estratégico se alinha aos objetivos da empresa.

Mas como conquistar essa padronização nos processos? O que é preciso alinhar com seu setor de compra? Permaneça conosco e veja a importância desse assunto, bem como dicas para colocar as iniciativas em prática.

O que é gestão de compras industriais?

O funcionamento do seu negócio depende de muitas tarefas para que ocorra tudo de maneira eficiente na cadeia de suprimentos. Desse modo, um processo se interliga a outro e todos dependem de aprovações em busca dos fluxos ocorrerem de maneira ininterrupta.

Tudo isso envolve tempo, recursos e matéria-prima que possibilitam a prestação de serviços. Sob esse ponto de vista, são muitas atividades para controlar e fazer com que a eficiência e a qualidade estejam presentes em todas as etapas. Caso contrário, há atrasos, perdas e demais fatores que prejudicam o funcionamento do seu negócio.  

Diante disso, se a empresa deseja fazer com que todo esse mecanismo funcione de maneira correta, é essencial ter o apoio de uma gestão de compras industriais. Assim, os profissionais responsáveis por essa etapa têm o papel de comprar insumos, mercadorias e materiais que tornem viáveis as fases de produção em indústrias.

Além disso, é necessário avaliar a qualidade do material, o comprometimento dos fornecedores e toda a negociação que envolve essa comercialização. Atualmente, esse gerenciamento foi totalmente otimizado com o apoio da tecnologia.

Os sistemas ERP ajudam na automação de tarefas e reduzem certas atividades manuais que geram muito tempo e recursos. Ao mesmo tempo que mantém o funcionamento e a manutenção da empresa, a administração cotidiana por meio desse software é fundamental para tomar decisões com base em dados reais e realizar boas previsões de demanda.

Qual a importância do alinhamento entre time de compras e objetivos do negócio?

Um estoque alto e parado simboliza uma grande preocupação para a empresa, pois é um cenário muito favorável à perda de produtos e prejuízo financeiro. Porém, o problema pode se solucionar por meio da previsão de demanda. Diante disso, é essencial que o setor de compras conte com a tecnologia em busca de categorizar os insumos essenciais para o local.

Desse modo, é possível conquistar a eficiência operacional e melhorar consideravelmente o fluxo de trabalho, sabendo que a compra de componentes industriais assume um plano estratégico. Geralmente, por meio de softwares, a companhia tem a oportunidade de identificar os principais gargalos nas operações da linha de produção e realizar compras industriais com atenção.

Como colocar essas iniciativas em prática?

Primeiramente, é necessário determinar o orçamento nos diferentes tipos de departamentos. Afinal, os setores operacional, financeiro, administrativo e de manutenção precisam de materiais essenciais para a realização das suas atividades de rotina. Portanto, cada área precisa ser atendida corretamente para não haver paradas inesperadas por falta de insumos. Além disso, confira mais iniciativas importantes.

Entenda os diferenciais do seu negócio

O diferencial competitivo é um fator que destaca sua marca diante da concorrência. Entretanto, ela também é responsável em reforçar os valores e a missão da marca. Assim, os empresários fazem tomadas de decisões sempre com base no que a empresa acredita e, principalmente, em soluções que garantem a satisfação dos clientes.

A gestão de compras industriais é uma forma de melhorar sua prestação de serviços e garantir que a eficiência operacional ajude a engrandecer sua credibilidade, tanto com o público interno quanto externo.

Escolha bons fornecedores

O segundo passo é buscar fornecedores de confiança, visando realizar um bom planejamento de compras e cumprimento de prazos. Sob esse ponto de vista, pesquise e peça indicação de outros parceiros em relação às empresas que possam suprir suas expectativas e que dialoguem com os seus valores.

Empresas com boa reputação de mercado atestam sua qualidade nos serviços prestados e produtos comercializados. Por isso, faça uma lista com várias opções, analisando características de cada um, confiabilidade, capacidade produtiva e qualidade do serviço.

Aposte na qualidade e tecnologia

Não se deve negligenciar a qualidade dos produtos nem a presença de recursos tecnológicos no setor de compras, que tornam o trabalho mais ágil e produtivo. Buscar apenas o fator preço pode trazer um risco de baixa qualidade ou atrasos.

Na questão da inovação, sistemas de gestão de compras permitem automatizar processos pré-configurados para que se cumpra o orçamento dos custos. Isso diminui burocracias, estabelece prazos de aprovação e conclusão do pedido. Por meio desses cuidados, a empresa passa a aperfeiçoar entregas, diminuir gastos e ampliar a produtividade.

Use dados a seu favor

A cultura data driven ajuda muitas empresas a agilizar e simplificar processos. Após fazer um mapeamento de todas as entradas e saídas, é possível enxergar pontos de melhorias, erros e gargalos na linha de operação que ocasionam atrasos. 

Ao realizar as mudanças necessárias, o fluxo se otimiza e todos os responsáveis podem trabalhar com métricas que mostram a real situação do negócio. Atualmente, contamos com uma grande quantidade de dados no ambiente corporativo. Tanto pelo processo de transformação digital quanto pela adequação das empresas em relação à Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD).

Com isso, o marketing industrial é focado no consentimento do usuário e todo o processo de vendas e prospecção tem o apoio de canais de comunicação online para as empresas estarem cada vez mais presente no cotidiano de seu público-alvo.

Portanto, use sempre dados a favor da evolução da sua marca. As ferramentas tecnológicas ajudam a melhorar a gestão de compras industriais e trazem outras melhorias. Por exemplo, a melhora no desempenho das atividades dos colaboradores, a análise em tempo real de campanhas publicitárias e de todas as responsabilidades do setor de compras, como a emissão de pedidos, o fluxo frequente da cadeia de suprimentos e os cálculos de gastos no estoque.

Neste conteúdo você aprendeu várias informações importantes para melhorar o processo de compras industriais. Portanto, considere a tecnologia como sua aliada, permita ter uma maior percepção de falhas para corrigi-las de maneira estratégica e alcance a qualidade contínua no ambiente de trabalho.

Gostou do nosso conteúdo? Então não se esqueça de se inscrever na nossa newsletter e receber conteúdos por e-mail que melhoram sua percepção de mercado.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.