nr-17

Conheça os principais pontos da NR 17

A valorização de equipes é um investimento tão importante quanto a fidelização de clientes. São os colaboradores que possibilitam o crescimento do negócio, pois eles enxergam pontos negativos e positivos que impactam a evolução da sua empresa. Por isso é tão importante seguir os parâmetros da NR 17, para que eles tenham plenas condições de trabalho e conforto durante suas atividades.

Atualmente, as práticas da ergonomia na indústria dialogam com a mudança desejada nesse ambiente, visto que elas possibilitam o bem-estar das equipes e oferecem boas condições de trabalho. Assim, é possível diminuir a alta rotatividade de pessoas e manter sua imagem cheia de credibilidade e confiança, tanto pelo público externo quanto interno.

Conheceremos abaixo os principais pontos dessa regulamentação e como garantir a segurança por meio de ações adequadas.

Qual a importância das normas regulamentadoras?

Em meio à transformação digital, muitas empresas tiveram a oportunidade de rever vários conceitos ligados à gestão. Consequentemente, elas perceberam o quanto foi gasto em tempo e dinheiro na busca por resultados que poderiam ser simplificados com ajuda da tecnologia. Isso porque muitos trabalhos manuais sempre estão sujeitos ao erro humano.

Sob esse ponto de vista, as empresas começam a apostar na padronização de processos com a intenção de conservar a qualidade em tudo o que envolve a prestação de serviços. Dessa forma, elas podem ter métodos mais ágeis, menos desperdícios e maior produtividade com menos recursos. Entretanto, há um fator que ajudou bastante.

Existem diversas normas que normatizam diferentes tipos de serviços, permitindo maior segurança para a empresa e empregados. Desde 1978, as normas regulamentadoras colaboram com a mudança da cultura organizacional de vários negócios. O intuito do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) foi de trazer mais segurança e harmonia aos ambientes corporativos.  

Atualmente, são 37 NRs vigentes, entre as mais importantes: a NR 11, que regulamenta a movimentação de materiais, e a NR 17, que traz princípios de ergonomia. O cumprimento dessas normas é necessário para garantir o bem-estar dos colaboradores. Serve, também, para implementar ações e estratégias que mantenham a integridade deles e inibam qualquer situação que envolve acidentes, perdas ou fatalidades dentro de um departamento.

O que é a NR 17?

A chegada da indústria 4.0 impactou o desenvolvimento da logística 4.0 e permitiu uma maior interação entre o ser humano e as máquinas. Ao passo que o gestor começou a entender a importância da tecnologia no aprimoramento do negócio e no auxílio da criação de seu diferencial competitivo.

Entretanto, as questões ergonômicas não podem ficar de lado. Afinal, sem a presença delas o colaborador não terá uma boa qualidade de vida e estará exposto a vários malefícios ao corpo. Tudo isso atrelado ao mau uso de equipamentos, falta de postura nas mesas, inadequação das cadeiras e outros pontos que influenciam a saúde das pessoas.

Assim, foi com foco nesse cenário que a NR 17 surgiu. A norma visa implementar questões ligadas à ergonomia nos espaços de trabalho. Por exemplo, a tarefa de movimentação de cargas envolve o levantamento e a descarga individual de determinados materiais. Existem regras para cumprir essa função sem que ocorram lesões.

Outros pontos são o tipo de transporte que será usado e as condições dos locais. Portanto, o intuito é valorizar princípios da higiene ocupacional e evitar que o ambiente de trabalho seja a causa do surgimento de determinadas doenças que coloquem a equipe em situação de afastamento de suas funções.

Quais os objetivos da NR 17?

Entre os principais motivos dos afastamentos de colaboradores no ambiente de trabalho, estão as Lesões por Esforço Repetitivo (LER) e os Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho (DORT). Também podem ocorrer devido à falta de regulamentação na movimentação de materiais.

Muitos trabalhadores não usam os Equipamentos de Proteção Individual (EPI) e podem estar expostos a acidentes e até consequências fatais. Desse modo, é muito importante apostar na adoção de medidas de ergonomia e prevenção a riscos, com foco na implementação da NR 17 e em outras normas regulamentadoras que envolvem padrões e boas práticas.

Por meio do investimento em princípios ergonômicos, a empresa poderá amenizar gastos em relação às indenizações e os auxílios previdenciários recorrentes às ocasiões de risco que cada colaborador se expôs. Assim, todos poderão perceber o quanto sua empresa se importa com a integridade dos funcionários.

O principal objetivo da NR 17 é evitar doenças relacionadas ao esforço repetitivo, a atividades monótonas ou realizadas em pé e ao levantamento de cargas. Consequentemente, essa medida aumenta a confiança do público interno pela empresa e torna o clima organizacional bem mais saudável.

Quais os principais pilares dessa regulamentação?

A norma regulamentadora Nº17 segue uma estrutura para definir os princípios ergonômicos no ambiente de trabalho, como a organização e segurança. Veja a seguir.

Levantamento, transporte e descarga individual de materiais

Apesar da presença de máquinas nos galpões logísticos, há locais em que um determinado colaborador é responsável pelo transporte da carga. Neste caso, é importante analisar questões ligadas à condição física do indivíduo e o peso do material transportado. 

Dessa forma, é possível identificar qual é a melhor forma de fazer o transporte e outras boas práticas nessa atividade, a fim de evitar o aparecimento de lesões ou que o funcionário esteja exposto ao risco. 

Equipamentos

É necessário que os equipamentos estejam posicionados em uma altura adequada e que não prejudique a visão e a postura de quem os opera. Aliado a isso, é importante que tenham altura ajustável, encosto adaptável, suporte para os pés e que, principalmente, seja de fácil alcance na realização do trabalho.

Condições ambientais

A NR 17 determina parâmetros de níveis de ruídos aceitáveis no ambiente, iluminação adequada e correntes de ar, visando evitar umidade e manter uma temperatura que traga conforto a todos que se encontram no local.

Mobiliário dos postos de trabalho

A mobília do ambiente também precisa seguir a NR 17, por isso é ideal apostar em rodízios adequados a cada atividade, considerando peso suportado, material e facilidade de manobras. Inclusive, ao fazer a escolha correta, é possível contribuir para a vida útil do material e garantir a integridade física dos colaboradores no manuseio ou transporte. Sem dúvidas, é um detalhe que faz toda a diferença e vai ao encontro do propósito da norma.

Neste artigo, você compreendeu o que é a NR 17 e quais ações são necessárias para valorizar a ergonomia no ambiente de trabalho. Portanto, considere as diretrizes que ela propõe. Assim, é possível garantir a saúde, a integridade e a segurança dos trabalhadores.

A Colson é a maior fabricante de rodas e rodízios e dispõe de soluções para diferentes segmentos de mercado. Conheça nosso catálogo e opte por aquela que agregará mais valor, conforto e segurança para o ambiente da empresa.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.