varejo-online

Varejo online: uma gama de oportunidades para as lojas de materiais de construção

Por meio da digitalização de processos e vendas, é possível criar padrões operacionais e alcançar um público distinto, que busca no varejo online a facilidade de comprar sem sair de cada e encontrar um melhor custo-benefício.

Ademais, existe uma gama de possibilidades de elevar seus números de pedidos nas lojas de materiais de construção. Também é possível construir campanhas pontuais para melhorar sua imagem no ambiente digital.

Nesse cenário, continue a leitura e saiba de que maneira sua loja pode aproveitar o crescimento das vendas online e, consequentemente, manter a saúde do negócio.

A digitalização de processos e o varejo online

Não é novidade que o período de pandemia foi o responsável por impulsionar a digitalização de quase todos os mercados, criando oportunidades no varejo online. Afinal, por conta do isolamento social e a adoção do home office pelas empresas, as pessoas passaram mais tempo em casa e começaram a realizar mudanças para tornar o lar mais aconchegante.

Seja na intenção de criar um escritório em casa, seja para fazer as famosas reformas de verão, o varejo online para lojas de materiais de construção foi e ainda é uma grande oportunidade de facilitar as buscas do público por materiais de qualidade. Dito isso, cabe ao lojista explorar essa estratégia e ter um planejamento para usá-la com sabedoria. Veja mais a seguir!

As vendas online e a aposta em ações de DIY

Segundo uma pesquisa sobre o crescimento das vendas online, o Brasil conquistou o primeiro lugar. Apenas em 2022, o país atingiu a marca de 22,2% de vendas pela internet, e há uma estimativa de que o modelo cresça mais de 20% nos próximos três anos.

E não podemos negligenciar tal realidade. Afinal, é importante ficar por dentro das possibilidades que o mercado online oferece. Outro ponto é estudar estratégias que possibilitem o seu diferencial competitivo e o potencial de vendas.

Atualmente, a tendência do “Do It Yourself” (DIY) permanece com sua relevância. Isso, devido à grande quantidade de tutoriais e vídeos na internet. Eles permitem ao consumidor economizar e fazer reformas simples em casa, sem a necessidade de contratar um profissional.

Embora haja casos em que a presença de um especialista é obrigatória, tarefas de fácil manuseio e inspirações de decoração movimentam a compra por itens de lojas de construção, para a prática do “Faça Você Mesmo”.

A importância de escolher entre loja própria ou marketplace

Quando o assunto é varejo online, uma dúvida é sobre onde vender. Afinal, o objetivo pode ser aumentar a quantidade de vendas com determinadas mercadorias presentes no seu mix de produtos. Logo, optar por marketplaces como o Mercado Livre é uma boa escolha. Isso porque eles têm um grande número de visitas e, assim, aumentam as chances de elevar os pedidos.

Entretanto, se a empresa acha necessário focar no diferencial competitivo, tomar total controle da situação e fortalecer o contato com o público-alvo, é mais interessante investir no próprio e-commerce. Portanto, cabem às lojas de materiais de construção tal decisão.

Para finalizar, não se esqueça de contar com um software que avalie seu desempenho no varejo online. Assim, você evita perder investimento com ações que não beneficiam sua marca nem facilitam o alcance de suas metas.

Gostou do nosso conteúdo? Então que tal compartilhar o artigo e dialogar sobre o varejo online e suas oportunidades de vendas?

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.